Terça-feira, 15 de Janeiro de 2013
É verdade que existe mais de um tipo de dor nas costas na gravidez?


 

Dor nas costas verdadeira 
É a dor causada pelos mesmos fatores que a dor nas costas em pessoas que não estão grávidas. 
Ligamentos, músculos, discos e articulações podem ficar sobrecarregados devido a problemas de postura, ao hábito de carregar peso de maneira incorreta, à fraqueza ou insuficiência muscular e a lesões. O mais comum é que esse tipo de dor já exista antes da gravidez. 
A dor nas costas costuma piorar no fim do dia, ou quando se fica de pé por longos períodos. Isso se deve ao cansaço muscular e à distensão dos ligamentos, para sustentar o seu peso e o do bebê. 

Dor ciática 
Uma pequena proporção de mulheres sofre de ciática durante a gravidez. Trata-se da dor no nervo ciático, na base das costas, dos lados, por inflamação ou pressão. Às vezes, o funcionamento do nervo pode ficar prejudicado, o que provoca fraqueza na perna ou sensação de formigamento. A dor pode se estender pela parte de trás da perna. Ao contrário do que acreditam as pessoas, a ciática não é causada pela pressão do bebê sobre o nervo. É provável que, se você tiver dor no nervo ciático, tenda a ter o problema grávida ou não. Tente identificar a ação ou posição que deflagram a dor (deitar de barriga para cima, por exemplo) e a evite. 

Dor pélvica 
O tipo mais comum de dor nas costas na gravidez é a dor no plexo pélvico. A dor pélvica é consequência da gestação e deve ser tratada de forma diferente da dor nas costas comum. Os tratamentos tradicionais podem ser ineficazes e até piorar a dor no plexo pélvico. Se você sentir dor na parte da frente, acima da vagina, no osso do púbis, pode estar sofrendo de um problema chamado disfunção da sínfese púbica. É importante pedir ajuda ao seu médico ou a um especialista para ajudar a diferenciar a dor causada por esses problemas. 

Dor causada por contrações 
Em casos mais raros, as contrações de um trabalho de parto prematuro podem vir na forma de dor nas costas. A partir do segundo ou terceiro trimestre, preste atenção se a dor nas costas vem em ondas, e olhe no relógio para ver se elas têm alguma regularidade.  Às vezes a dor nas costas pode ser uma contração sem que a barriga fique dura. Se desconfiar de que está tendo contrações antes da 37a. semana de gravidez, procure o médico.



Publicado por jaquelinebernardo às 23:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Janeiro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
16
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


Posts Recentes

Intestino preso na gravid...

Ocitocinas

Truques para provocar o p...

É verdade que existe mais...

Grávidas devem usar sutiã...

As dores mais comuns na g...

Rachaduras nos Seios

Líquido Amniótico

Como saber se o bebê enca...

Tampão Mucoso

Arquivos

Janeiro 2013

Pesquisar neste blog
 
blogs SAPO
subscrever feeds